segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Um dia ruim, a ofensa, o Arrependimento, o pedido de Perdão e a volta pra casa em Paz - Diário de Kelly

... Então, naqueles dias em que eu estava me sentindo um "Quadro sem Pintura", os dias estavam extremamente estressantes. Eu sabia, ou melhor sentia, que algo ruim poderia me acontecer. Olhos fixos em mim, como se soubesse que iriam me mudar de setor. Ela me disse que não sabia. Mas havia um jeito diferente em como seu olhar era dirigido à mim.
Tá.
Eu estava um pouco triste. A saída de uma pessoa legal. Fiquei feliz por ela, pois sua saída é algo bom pra ela. Ela está feliz. Mas iremos sentir a sua falta. Eu mais ainda. Nossa não tenho nem palavras para expressar minha gratidão por tudo que ela fez por mim durante o tempo que trabalhamos juntas.
Eh...
Mas de repente um pedido de ajuda, que achei muito injusto, me faz perder o foco, me deixa indignada. Totalmente. Ao invés de me controlar, pois no fundo eu sabia que apesar de não concordar com o que me haviam pedido, aquilo não era nada demais. Eu podia fazer. Mas...
...Me exaltei. Às coisas fugiram do meu controle. Acabei me mostrando uma pessoa arrogante, sem educação... Eu não sou assim. Mas a situação me deixou mal e fez agir mal..
Passados alguns minutos fui percebendo o quanto minha atitude foi vergonhosa. Jamais deveria ter deixado a raiva subir a minha cabeça. O controle, o pensar antes são importantíssimos.
Não esperei muito tempo e fui atrás de quem eu ofendi e pedi desculpas. Eu jamais conseguiria voltar pra casa, dormir sem tentar consertar meu erro.
Então pedi desculpas, com os olhos cheios de lágrimas, tentava segurar o choro. Tamanho era o meu arrependimento.

A pessoa se mostrou com um coração incrível dizendo que não havia o que se desculpar, sorriu e seguimos a tarde juntas no trabalho.
Mais tarde a vida me surpreendeu: Eu precisei dela. Eu me ajudou. E durante alguns dias ainda vou precisar.
Voltei pra casa em Paz.
Errei, mas me arrependi e pedi perdão.
Isso foi muito bom pra mim.

A lição que tiro desse fato é que devemos pensar muito antes de agirmos. O auto controle nas horas de raiva pode evitar que amizades se desfaçam, famílias se separem e até mesmo que tragédias aconteçam. E não tenham vergonha se pedir desculpas, perdão. Imaginem o bem que essa atitude trás pra nossa alma.


História verídica — Aconteceu Quinta-feira - dia 05/01/17.

Todos os direitos reservados A Oração move o Coração de Deus

Nenhum comentário:

Postar um comentário